Confira três maneiras de organizar melhor sua vida financeira

551

Falamos recentemente de como construir um orçamento financeiro. Pois bem, para acompanhar e melhorar seu orçamento ao longo do tempo, será necessário conhecer seus hábitos de consumo.

E, para entender seus hábitos de consumo, você precisará realizar a tarefa mais cansativa e que mais ocupa seu tempo na administração das finanças pessoais, o famoso Fluxo de Caixa (FC).

O Fluxo de caixa nada mais é do que o registro de todo o dinheiro que você recebe e todo o dinheiro que gasta. Ele reúne todos os dados necessários para te ajudar na análise de seu padrão de gastos e te auxilia a tomar decisões melhores sobre seu dinheiro.

Uma movimentação financeira deve ser minimamente descrita: se é receita/despesa, data, valor e categoria.

Organizar o FC é uma tarefa que exige dedicação praticamente diária e, para isso, o melhor é utilizar a opção mais prática e confortável para você. Não existe uma única ferramenta ideal para todas as pessoas, mas separamos três opções para que você possa escolher a que mais se adapta à sua rotina.

Cadernos ou agendas

O papel foi, por muito tempo, a ferramenta mais utilizada para registrar as entradas e saídas de dinheiro no dia a dia. Com o avanço da tecnologia, ele vem perdendo espaço. Ainda assim existem pessoas que não se adaptaram a outros meios ou simplesmente não se sentem confortáveis e preferem seu velho caderninho.

É a ferramenta que precisa de menor conhecimento dentre as três. Para a utilização, basta papel e caneta/lápis. Busque cadernos ou agendas que permitam a organização de acordo com as suas necessidades.

Das ferramentas disponíveis, está é que possui mais pontos negativos. O processo de registro das operações é totalmente manual e físico, o que dificulta no acesso aos dados e a segurança. Estes dois últimos pontos ocorrem, por exemplo, quando é necessária a consulta ou registro de novas movimentações. Além disso, há maior chance de perda, roubo ou outros problemas relacionados ao armazenamento.

Planilhas

Esta ferramenta é muito utilizada por quem tem familiaridade com esse tipo de software, um dos mais famosos é o Excel. Uma das vantagens é a customização. Aqui você comanda, pode criar relatórios, gráficos, cadastrar informações extras totalmente exclusivas às suas necessidades e o que mais sua criatividade permitir.

Esta opção sofria dois problemas também encontrados nos  papeis: difícil acesso aos dados e pouca segurança. Através da evolução tecnológica, ambos os problemas foram resolvidos. Com a utilização do armazenamento em nuvem é possível ter suas informações protegidas, compartilhadas e ainda acessíveis em qualquer lugar com internet.

E para os que não querem ou não sabem criar uma planilha para FC, temos uma ótima notícia hoje é possível encontrar na internet, sem dificuldades, planilhas prontas para esta finalidade.

O ponto negativo fica mesmo por todo o processo de cadastro das movimentações ainda ser manual, assim como nos papeis. Ainda assim, a geração de relatórios e gráficos pode ser automatizada.

Aplicativos

Como já falamos, uma das piores partes do FC é registrar cada entrada e saída manualmente. Felizmente hoje existem aplicativos que automatizam parte deste processo. Alguns deles se integram a contas bancárias e/ou leem suas mensagens SMS e cadastram as movimentações para você. Há ainda os que leem o QR Code das suas notas fiscais e registram automaticamente de onde foi e o valor daquela compra.

Além de servirem para fazer Fluxo de Caixa, eles possuem outros recursos, tais como orçamento, conteúdos educativos, acompanhamento de metas, geração de relatórios, gráficos, etc. Chegam até a oferecer a empréstimos, não que vá usar, não é?

Aos amantes de tecnologia, sem dúvidas, esta é a melhor opção. Além dos benefícios das opções anteriores, há a vantagem da automatização de boa parte do controle do fluxo de caixa.

Estou experimentando alguns dos aplicativos mais populares do mercado: GuiaBolso, Organizze, Spendee, Mobills, Minhas Finanças, Impprove e Wallet. Em um próximo artigo falarei dos três melhores.

Para fechar

Espero ter mostrado as principais opções para te ajudar a gerenciar e organizar seu dinheiro. Lembre-se, não existe uma opção que seja melhor para todos, independentemente da ferramenta. O mais importante é que o registro de suas finanças faça parte do seu cotidiano e, com isso, você colha dados suficientes para entender seus hábitos financeiros e aprimorar a gestão do seu dinheiro até a excelência.

Você utiliza outra opção para fazer Fluxo de Caixa? Têm dúvidas sobre isso? Já utiliza algum aplicativo? O que acha dele? Comente aqui.